Fantasia para iniciantes

A Subscrito recomenda os melhores livros para os leitores que queiram iniciar-se no género fantástico.

“Luz e Sombra” de Leigh Bardugo

Créditos: DR

A nação de Ravka está dividida em duas pelo Sulco de Sombra, uma faixa de escuridão quase impenetrável e repleta de monstros. Alina Starkov, órfã de guerra, pertence ao regimento militar e tem apenas o apoio do seu melhor amigo, Maly. Porém, tudo começa a desmoronar quando, numa das suas expedições ao Sulco da Sombra, Alina vê Maly ser atacado e, ao tentar protegê-lo, releva um poder adormecido. Este seu poder, poderá ser a chave para libertar o seu país devastado pela guerra.

Um livro repleto de personagens inesquecíveis e com um sistema de magia fácil de acompanhar.

“Rainha Vermelha” de Victoria Aveyard

Créditos: DR

O mundo onde vive Mare está dividido de acordo com o sangue: os plebeus de sangue vermelho e a elite de sangue prateado, dotados de incríveis capacidades sobrenaturais. Mare faz parte da plebe e sobrevive como ladra numa aldeia pobre; no entanto, o destino atraiçoa-a na própria corte Prateada: esta jovem adolescente descobre que tem um poder somente acessível aos Prateados. Para não dar origem a revoltas, o rei obriga-a a desempenhar o papel de uma princesa Prateada e Mare vê a sua vida em perigo.

Uma história envolvente em vários volumes, o leitor tenta descobrir se o poder de Mare a irá salvar ou condenar.

“O Príncipe Cruel” de Holly Black

Créditos: DR

Jude e as irmãs são raptados e levado para o Faerie, o país das fadas. Mesmo passados dez anos, Jude sente um verdadeiro fascínio pela beleza destes seres mágicos e imortais, embora sejam malévolos e impiedosos. Para se tornar cavaleira e receber um lugar na Corte, Jude tem de arriscar a sua mortalidade e desafia o príncipe Cardan, que a odeia. Jude envolve-se assim nas intrigas do palácio, acabando por descobrir o seu talento para derramar sangue. Contudo, o destino de Faerie fica por um fio e Jude vê-se obrigada a fazer uma aliança inesperada e perigosa de forma a salvar as irmãs e o reino que a rejeita.

Holly Black cria um novo mundo de fadas bem hierarquizado, levando o leitor a apaixonar-se pela sua escrita maravilhosa.