“Inês de Castro”. A maior história de amor de Portugal

Créditos: DR

Inês de Castro, de Isabel Stilwell

Créditos: DR

Isabel Stilwell conta a história de Inês de Castro, a rainha de Portugal. Inês de Castro é expulsa da corte por Afonso IV, de modo a ficar afastada do seu único filho. Acusada de ser uma perigosa espia, o rei impede que viva a sua história de amor com D. Pedro, que nada faz para se impor perante o pai. Mesmo na hora da sua morte, Inês sente que Pedro lhe falha, pois não está presente para a proteger e a defender do rei.

Stilwell relata uma história de amor e espionagem, entre Portugal e Castela, entre traições e casamentos reais, ao retratar Inês de Castro: a mulher que amou D. Pedro, a espia na corte, a rainha de Portugal imortalizada nos túmulos de Alcobaça.

O Mais Belo Fim do Mundo, de José Eduardo Agualusa

Créditos: DR

Nesta viagem durante os últimos três anos da nossa vida, José Eduardo Agualusa conta o que mudou no nosso mundo. O Mais Belo Fim do Mundo reúne contos, crónicas e apontamentos do autor que foram escritos entre 2018 e 2021, relatando tempos estranhos e misteriosos, mas que em simultâneo procuram trazer alguma luz aos dias que ainda estão para vir.

O autor procura mostrar que, apesar de todas as tragédias a que sobrevivemos nos últimos anos, o mundo não acabou e ainda temos muito para viver. Assim, na obra mais recente do autor lemos sobre viagens interestelares, filmes e música, a memória da covid, generais que não gostam de guerra, gatos e muito mais.

As melhores Crónicas de Amor, de Miguel Esteves Cardoso

Créditos: DR

Nestas crónicas, Miguel Esteves Cardoso escreve sobre os vários tipos de amor: «amores maiores, amores melhores, amores mais bem pensados e apaixonadamente vividos». Há amores mais duradouros, mas tal como é costume dizer-se, não há amor como o primeiro.

Estas são as crónicas dos primeiros amores e das paixões, dos namoros e ciúmes, da tristeza e do ódio, das almas gémeas e simplesmente sobre o amor.

Por Catarina Duarte Alves

Licenciada em Línguas, Literaturas e Culturas pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, Catarina Alves é uma apaixonada por livros e, atualmente, trabalha como livreira numa cadeia nacional.