5 locais ao ar livre em Lisboa para ler um bom livro

Do Parque das Quintas das Conchas e dos Lilases ao Parque Eduardo VII. Estes são os melhores sítios em Lisboa para ler.

Publicado em Categorizado como Novidades Etiquetas: , , , , ,
Créditos: Unsplash/Sinval Carvalho

Todos gostamos de ler um bom livro em casa. Mas a verdade é que o calor, por vezes, pode atrapalhar um pouco o conforto da leitura. Por isso, a Subscrito reuniu neste artigo os cinco locais onde podes aproveitar o sol, o teu livro e o que de melhor a cidade de Lisboa tem para oferecer.

Parque das Quintas das Conchas e dos Lilases
Esta tem sido o local de eleição para muitas famílias e amigos que querem espairecer um pouco da agitação da capital portuguesa. O Parque das Quintas das Conchas e dos Lilases é conhecido não só pela sua tranquilidade, mas também por ser um espaço onde podes estar em sintonia com a natureza.
Uma vez dentro daquele espaço, podes escolher um cantinho para começar (ou continuar) a ler o teu livro: debaixo de uma árvore, sentado num banco ou até numa esplanada.

Alameda Dom Afonso Henriques/ Fonte Luminosa
Apesar de se encontrar no centro da capital, é possível encontrar alguma tranquilidade na Alameda Dom Afonso Henriques. Podes levar uma mantinha para te deitares, enquanto te perdes pelas palavras.
Para além disso, o som da Fonte Luminosa, que se sobrepõe ao ruído dos carros que por ali passam, é a melodia ideal para conseguires relaxar.

Jardim da Gulbenkian
Este jardim, que pertence à Fundação Calouste Gulbenkian, é dos poucos em Lisboa no qual vais poder ver todo o tipo de espécies. Desde patos a peixes, existe todo um ecossistema no qual também te podes inserir e aproveitar o contacto com a natureza.
É um espaço mais frequentado por famílias, mas durante a semana é ideal para colocar a leitura em dia e teres um momento mais solitário. Se ainda tiveres tempo, passa pela Fundação e faz uma visita ao espaço.

Jardim do Campo Grande
Outro local que está bem próximo da agitação e do ruído dos veículos que por ali passam. Ainda assim, se encontrares um cantinho junto ao lago, vais perceber que é um excelente espaço para relaxar e perderes-te nos pensamentos e nas frases que tens nas mãos.

Parque Eduardo VII
Provavelmente, um dos sítios em Lisboa onde terás mais luz. Bem próximo da Praça do Marquês de Pombal, o Parque Eduardo VII oferece um extenso relvado onde te podes deitar a ler o teu livro. Mas cuidado, não há muitas sombras naquele parque. Por isso, escolhe uma das horas do dia em que o sol não está a incidir diretamente.

Aviso: Em tempos de pandemia da COVID-19, toma todas as precauções e mantém o distanciamento nestes locais. Faz-te acompanhar de máscara e desinfetante.

Publicado em
Categorizado como Novidades