Os livros mais bem classificados no Goodreads – Distopia

Para a categoria de distopia, contam-se com obras de autores como Margaret Atwood e George Orwell.

Com mais de 90 milhões de membros inscritos na plataforma, a Goodreads conta com mais de 2.3 biliões de livros revistos e classificados. Esta tornou-se numa das primeiras plataformas de pesquisa quando qualquer leitor necessita de recomendações de leitura.

“A História de uma Serva”, Margaret Atwood

Créditos: DR

Atwood descreve um futuro assustadoramente possível caso a humanidade não reveja alguns dos seus comportamentos.

Numa América que agora se tornara Gileade, as mulheres férteis tornam-se Servas, sendo obrigadas a conceber filhos para a elite estéril. Neste Estado policial e fundamentalista, as mulheres estão proibidas de ler, devem rezar para cumprir o seu objetivo maior de engravidar e ainda perdem o nome, logo, a sua identidade. Defred conta a sua história em Gileade enquanto relembra o passado com o marido, a filha e um emprego – um passado feliz e que parece muito distante.

A obra reflete sobre o papel da mulher na sociedade, rebelião e amor. Estas páginas relembram a tradição de Huxley e Orwell na sua essência. A obra já foi adaptada para uma novela gráfica e para uma série televisiva.

“1984” de George Orwell

Créditos: DR

No ano de 1984, a cidade de Londres, Inglaterra, é vigiada pela Polícia do Pensamento. Nesta cidade, o crime mais grave é ter-se uma mente livre. É o que descobre Winston Smith quando inicia a escrita de um diário, tentando encontrar a sua individualidade. Este ato de rebelião levá-lo-á até à misteriosa Sala 101.

Com a leitura desta fantástica obra percebemos como o Big Brother poderá ser mais do que um método de vigilância para manter a população segura. Pelo contrário, poderá ser uma forma de controlo e manipulação da liberdade de cada indivíduo.